10. Abas

1 minute read Published: 2015-12-22

Essa é a parte me que você acha coisas que já fazia antes.

Além dos splits, que vimos no capítulo anterior, VIM também tem suporte à abas. O mais interessante é que você pode usar abas tanto no VIM gráfico (também chamado de GVim) quanto no console.

Para abrir um arquivo no VIM, sabemos que temos que usar o comando :e; para abrir o arquivo em uma aba, o comando é :tabe.

Ao contrário de splits, criar uma nova aba sem passar um arquivo não cria uma nova aba com o buffer atual; :tabe sem um nome de arquivo irá criar uma nova aba com um buffer em branco. E sim, você pode abrir o mesmo arquivo em mais de uma aba e as alterações feitas em uma irão refletir na outra.

Para pular entre abas, você poder usar o comando gt em modo normal ou :tabn em modo de comando. Se você usar um número de repetições (p.ex. 3gt ou :tabn 3) o VIM irá pular diretamente para aquela aba (no caso, para a terceira), não importando a aba atual. gT em modo normal ou :tabp move o cursor para a aba anterior.

Se quiser mover abas de posição, você deve usar :tabm. :tabm irá mover a aba atual para ficar depois da aba indicada (p.ex., :tabm 3 irá mover a aba atual para depois da terceira aba). :tabm também aceita parâmetros considerando a aba atual: :tabm +2 irá mover a aba atual duas abas pra frente (para a direita) e :tabm -2 irá mover a aba duas abas pra trás (para a esquerda).

Atalhos padrão para mover para a próxima aba do sistema operacional também são aceitos por padrão. [Ctrl][PageDn] e [Ctrl][PageUp] no Linux e [Command][Shift]] e [Command][Shift][ no OS X, por exemplo. Como não existe nenhum padrão para consoles, não há nenhum atalho padrão e devem ser usados os comandos de seleção de abas que vimos antes.

Mais pra frente, quando estivermos falando do arquivo de configuração, eu vou explicar um "truque" para pular diretamente para a aba desejada, assim como funciona no Firefox e no Chrome.

<< Splits
 
Arquivos de Configuração >>